Arquivo da Categoria ‘Doença ocupacional’

Cura de doenças

Cura de doenças

O médico, desconfiando de tudo quanto se afasta da «ciência» adquirida nos  livros, sente a sua impotência para investigar e pensar por si mesmo. Antes que violentar os «dogmas científicos» prefere ayassalar o seu próprio critério, recorrendo ao laboratório para que este dê a solução ao problema que se lhe apresenta.
Entregue a investigação da doença ao laboratório e aos aparelhos, o médico abandona o seu critério e fica depois actuando às cegas, com o que o doente perde toda a direcção racional c favorável no caminho do seu restabelecimento.

Compartilhe no:
  • Orkut

Doença ocupacional

Doença ocupacional

Os meios de diagnóstico em uso pela medicina facultativa resumem-se em pôr o nome à manifestação do desarranjo orgânico que se denomina doença pela Patologia. A conclusão que assim se obtém nenhuma relação tem com as necessidades que precisa satisfazer o doente para obter a normalidade funcional do seu corpo, ou seja, a sua Saúde integral. De nada servirá ao paciente conhecer o nome do bacilo considerado culpado da sua doença. Tão-pouco lhe servirá saber a proporção de uréia, açúcar, glóbulos brancos ou vermelhos do seu sangue, nem a sua pressão arterial, nem a reacção positiva ou negativa deste. Pelo contrário, ser-lhe-á útil conhecer os meios adequados para normalizar a sua digestão a fim de formar sangue puro, único elemento de Saúde em todo o seu corpo. Também será necessário que se lhe ensinem os meios adequados para activar a sua eliminação cutânea e renal e expulsar do seu corpo tudo quanto é mau e prejudicial à sua economia.

Compartilhe no:
  • Orkut