Banho genital masculino

Banho genital masculino. Vê-se na figura como se pratica a fricção do prepúcio dentro da água. Não é necessário despir-se por inteiro, senão as partes genitais. O nível da água deve cobrir o membro viril.
A freqüência do banho genital variará de uma a três vezes por dia, sendo preferível uma aplicação de meia hora a três aplicações de dez minutos cada uma, pois assim conseguem-se efeitos mais profundos e duradouros.
O banho genital de 15 a 30 minutos, aplicado duas horas depois da última refeição do dia é um meio seguro para se conseguir um bom sono.
Por fim, é bom sintoma quando, por efeito deste banho, se produzem chagas nas partes sexuais ou aparecem fluxos uretrais ou vaginais. Tudo isto demonstra a obra eliminadora que se realiza pela sua acção estimulante das defesas naturais.

Compartilhe no:
  • Orkut

Tags:

Um comentário para “Banho genital masculino”

  1. Bruno disse:

    Esse banho genital, é parecido com o do dr. Lezaeta, e é apropriado tambem para próstata.

Deixe um comentário